Tontura: 30% da população mundial sofre desse mal!

Home / Otorrinolaringologia / Tontura: 30% da população mundial sofre desse mal!
Tontura: 30% da população mundial sofre desse mal!

Tontura: 30% da população mundial sofre desse mal!

A Organização Mundial da Saúde estimou que até 30% da população mundial pode sofrer de algum tipo de tontura. Está costuma ser uma queixa muito vaga e que remete a uma série de diagnósticos.

Na presença deste sintoma, muitas vezes, os pacientes não sabem por qual especialista buscar. Infelizmente não se pode responder com exatidão, afinal, a tontura pode ter origem em diversas partes do corpo.

O que é a “tontura”
Como já dito anteriormente, a tontura pode revelar uma série de doenças. Para que exista um diagnóstico adequado da labirintopatia (que é a doença que acomete o labirinto, órgão responsável pelo equilíbrio), um otorrinolaringologista deve ser consultado.

Sintomas:
Perda auditiva;
Zumbido;
Dores de cabeça;
Náuseas e vômitos;
Uso de medicamentos;
Hipotensão arterial;
Dieta e uso de bebidas alcoólicas;
E muito mais.

Dra Maria explica que além disso, o médico perguntará sobre o momento em que esta tontura surge, em qual período do dia, os fatores de melhora e piora. “Tudo isso é de extrema importância para determinar a causa do incômodo”, esclarece a médica.

Principais causas da tontura
Embora o diagnóstico seja difícil, existem doenças que são mais prevalentes dentre a população, e geralmente, são as primeiras a serem investigadas. Dentre elas, Dra. Maria Dantas Godoy cita:

1) Labirintite
Trata-se de uma inflamação do labirinto, a qual se dá por agente viral ou bacteriano, . É uma causa rara de tontura, e esses termos são usados inadequadamente como sinônimos. Então, a forma correta de chamar seria labirintopatia

Para que haja diagnóstico, o médico irá realizar no próprio consultório alguns exames, através de manobras específicas, para identificar a causa.

2) VPPB
A sigla se refere à Vertigem Posicional Paroxística Benigna, e que se deve a episódios rápidos de tontura após movimentos bruscos da cabeça.

3) Doença de Menière
É uma condição que acomete o labirinto (responsável pelo equilíbrio), e se deve a um aumento do líquido circulante no órgão. Além da tontura, o paciente também poderá ter alterações na audição.

4) Causas centrais
Embora sejam correspondentes a apenas 20% dos casos, seriam doenças do sistema nervoso central (cérebro), as quais cursaram com tontura. São de maior gravidade, e muitas vezes, percebidas com outros sintomas.

Dentre elas, pode-se citar:

Enxaqueca;
Tumores;
Esclerose múltipla;
Acidente vascular cerebral (AVC).
Para maiores esclarecimentos, busque um especialista de sua confiança!

Leave a Reply

Your email address will not be published.